CARREGANDO

Digite o artigo que você procura

Ceará registra chuva pós-estação na Capital e em mais 17 municípios; entenda o porquê

Carinhosa FM 4 meses ago

A maior ocorrência de precipitação registrada foi em Quixeramobim, com 34 mm

Amanhecer com chuva não vem mais sendo novidade para a população do Ceará. Fortaleza voltou a registrar chuva no período da manhã desta quinta-feira (11), com índices ainda não confirmados. No interior do Estado, por sua vez, choveu em 17 municípios das 7h da última quarta (10), às 7h desta quinta, com destaque para Quixeramobim, que registrou 34 mm. Essas ocorrências estão ligadas a distúrbios ondulatórios concentrados na região leste do Nordeste.

De acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), a ocorrencia de chuvas neste período do ano não é motivo de alarde. Chuvas leves em espaços curtos de tempo fazem parte, segundo a Pasta, da época de pós-estação chuvosa – que dura até fevereiro.

O meteorologista David Ferran afirma que as precipitações ocorrem por distúrbios ondulatórios concentrados na região leste do Nordeste brasileiro. “O fenômeno traz chuva para estados como Pernambuco e Rio Grande do Norte, e acaba afetando o Ceará com chuvas mais leves”, completa. David Ferran explica que essas ocorrências de precipitações leves podem continuar até a volta da estação chuvosa.

Chuvas matinais

David afirma que 80% dos registros de chuva neste período do ano ocorrem de madrugada e no início da manhã. Ele reforça, ainda, que entre os meses maio e agosto, as precipitações ocorrem com 15 mm de média no Estado do Ceará, com 10 mm de média na Região do Cariri e 30 mm no litoral. Índice bem menor do que no período de estação chuvosa, quando é registrada média de 80 mm, entre os meses fevereiro e maio.

A previsão de chuva para o restante desta quinta (11); sexta (12) e sábado (13) é de nebulosidade variável com possibilidade de chuvade manhã, e céu parcialmente nublado nos períodos de tarde e noite, de acordo com a Funceme.

O pouco tempo de chuva e o baixo volume não causaram transtornos na Capital ou no Interior do Estado.

Fonte: Diário do Nordeste

Tags:

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *