CARREGANDO

Digite o artigo que você procura

Polícia apreende segundo adolescente suspeito de matar o digital influencer ‘Pirangay’ em Fortaleza

maximweb 9 meses ago

Discussão sobre o tipo de ato sexual que seria praticado entre “Pirangay”, o amigo e dois convidados motivou o crime, segundo delegada.

Francisco Gleison de Sousa, de 24 anos, conhecido como “Pirangay”, compartilhava em seu perfil de uma rede social vídeos e fotos com conteúdos humorísticos — Foto: Reprodução/Instagram

O segundo adolescente suspeito de estar envolvido na morte de Gleison Barros de Sousa, mais conhecido como “Pirangay”, se apresentou na Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA), em Fortaleza, na tarde desta quarta-feira (29). Ele confessou o crime e foi apreendido.

O corpo do digital influencer foi encontrado dentro de uma residência no dia 20 de janeiro, no Bairro Parangaba, em Fortaleza. Na quinta-feira (23), a polícia já havia apreendido um adolescente de 16 anos suspeito de estar envolvido no caso. De acordo com a delegada Vanessa Hiluy, “Pirangay” foi morto após uma discussão sobre o tipo de ato sexual que seria praticado entre ele, o amigo e os dois suspeitos do crime.

“Eles passaram em uma pizzaria, compraram uma pizza e dali se dirigiram até o local do crime. Inclusive, era a residência de uma das vítimas. E aí começaram a conversar e houve um acordo entre eles de prática de ato sexual. Foi um encontro nesse intuito. Só que, por ocasião do encontro, houve um desentendimento sobre o que tipo de ato sexual seria praticado ou não. E por causa desse desentendimento, houve luta corporal e foi quando se confirmou o ato infracional”, conta a delegada.

Segundo a delegada Vanessa Hiluy, os dois adolescentes envolvidos no crime, que já estão apreendidos, confessaram a autoria na morte de “Pirangay”.

Após conseguir capturar o primeiro adolescente, a polícia investigou e conseguiu chegar à identificação do segundo, que estava foragido.

“A gente passou a diligenciar em busca do segundo adolescente, houve a representação pelo mandado de busca e apreensão e diligenciamos em vários bairros. De início, ele estava foragido, até porque ele tomou conhecimento que estava sendo procurado pela polícia, até que ele resolveu se apresentar na tarde de ontem. Ele foi ouvido e também confessou a participação”, conta a delegada.

Fonte: G1 – CEARÁ.

Tags:

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *